Jovens trans enfrentam barreiras para utilizar banheiros em escolas

Indicados por Bolsonaro ao STJ só devem ser sabatinados no Senado após as eleições
2 de agosto de 2022
Vai ter tapa na cara
2 de agosto de 2022
Depois de sofrer retaliação de outros garotos, Pedro (nome fictício), 14, parou de usar o banheiro masculino da escola na qual estuda, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Único aluno trans no colégio, ele foi orientado pela direção a usar o sanitário reservado para pessoas com deficiência -segundo a chefia da unidade, isso “causaria menos desconforto a ele e aos demais alunos”.
Leia mais (07/31/2022 – 18h50)

Os comentários estão encerrados.