Ministério Público de SP denuncia influenciadora feminista por preconceito contra trans e travestis

Fazenda na Califórnia e câncer de tia motivaram ação sobre maconha que chegou ao STJ
18 de junho de 2022
Priorizar as crianças e os adolescentes é garantir um futuro justo, inclusivo e sustentável
18 de junho de 2022
O Ministério Público de São Paulo ofereceu uma denúncia contra a influenciadora feminista Isabela Cepa, a @afeminisa, por supostamente praticar e incitar discriminação e preconceito contra mulheres trans e travestis em postagens nas redes. Uma eventual condenação pode resultar em dez a 25 anos de prisão.
Leia mais (06/17/2022 – 23h00)

Os comentários estão encerrados.