Ministério Público é acionado contra a venda de cadeiras do Pacaembu

Investidores apostam que Brasil voltará a ser o país do futebol
29 de julho de 2022
Começa a matemática do segundo turno do Brasileiro
29 de julho de 2022
O vereador Celso Giannazi (PSOL) acionou o Ministério Público paulista e o Tribunal de Contas do Município de São Paulo contra a venda de cadeiras originais do estádio do Pacaembu, na capital, por uma loja de móveis e decoração.
Leia mais (07/28/2022 – 17h07)

Os comentários estão encerrados.