PF pede mais tempo para concluir inquérito que investiga morte de Genivaldo de Jesus

‘Minhas Férias com Patrick’ conta história de mulher que fica amiga de burro
2 de agosto de 2022
Jovens a cavalo cercam ônibus no Rio e arrebentam porta traseira
2 de agosto de 2022
A PF (Polícia Federal) pediu ao MPF (Ministério Público Federal) nesta segunda-feira (1º) a prorrogação do prazo para concluir o inquérito que investiga a morte de Genivaldo de Jesus Santos, asfixiado por policiais rodoviários federais em Sergipe. O MPF ainda não se manifestou.

Esse é o segundo pedido feito pela PF no caso. O MPF já tinha autorizado, no dia 29 de junho, a prorrogação do inquérito por mais um mês. Na ocasião, a Polícia Federal afirmou que esperava o resultado dos laudos do Instituto Médico-Legal do estado e do Instituto Nacional de Criminalística, em Brasília.

“O MPF/SE informa que recebeu hoje [1º], da Polícia Federal, o pedido de prorrogação de prazo do inquérito policial que investiga a morte de Genivaldo de Jesus Santos, ocorrido no último dia 25 de maio. O pedido está sendo analisado e, quando houver manifestação, a decisão do MPF será informada à sociedade”, afirmou o MPF nesta segunda.
Leia mais (08/01/2022 – 18h57)

Os comentários estão encerrados.