Por que homens, brancos e héteros são a nova chacota dos stand-ups brasileiros

Falta de olhar da sociedade está na origem dos conflitos na Amazônia, diz procurador
15 de junho de 2022
PIB do agro cai neste ano, e renda do produtor cresce menos
16 de junho de 2022
Vez ou outra, grandes nomes do stand-up viram alvo de uma enxurrada de críticas e, no lugar das risadas, inspiram grandes revoltas em massa. Não é mera coincidência que a lista de comediantes que já foram chamados de machistas, racistas, LGBTfóbicos, capacitistas, gordofóbicos, ou simplesmente desrespeitosos, é extensa. Nos últimos tempos, porém, há outros tipos de piada ganhando espaço nos palcos de stand-ups brasileiros.
Leia mais (06/15/2022 – 23h15)

Os comentários estão encerrados.