Satélite Gaia faz mapa com 1,8 bilhão de estrelas da Via Láctea

Peste negra pode ter começado no Quirguistão, mostra análise de DNA
20 de junho de 2022
Cinco parques da capital paulista têm postos de vacinação neste domingo (19)
20 de junho de 2022
Às vezes o maior desafio ao apresentar novos resultados astronômicos é a enormidade. Talvez por isso tenha passado com alguma discrição a divulgação do mais recente pacote completo de dados do satélite Gaia, na última segunda-feira (13). Mas não se engane. Estamos diante de resultados que terão impacto extraordinário em todos os campos da astronomia nas próximas décadas. Só para começar a desempacotar isso, tenha em mente que o novo catálogo contém dados individualizados sobre 1,8 bilhão de estrelas na nossa Via Láctea.
Leia mais (06/19/2022 – 09h00)

Os comentários estão encerrados.