Bolsonaro rejeita volta do horário de verão, mas empresários dizem que não vão recuar

Boas notícias levantam debate sobre vacina para adolescentes e dose 3 para idosos
8 de julho de 2021
China disputa com Alibaba e Tencent para implementar sua moeda digital
8 de julho de 2021
O movimento de donos de bares, restaurantes e negócios turísticos que pedem a volta do horário de verão não recuou após Bolsonaro dizer, na terça (6), que é contra porque “mexe no relógio biológico”. Eles reúnem estudos para argumentar que ajudaria o setor, um dos mais afetados na pandemia. “Estamos tentando dialogar sem onerar estado. Tem isso desde 1930, e nunca matou ninguém. Teimosia tem de ser contestada com números”, diz Fábio Aguayo, diretor da CNTur, entidade do setor.
Leia mais (07/07/2021 – 23h16)

Os comentários estão encerrados.